Publicidade
Publicidade

Seguro cobre bikes acima de R$ 3 mil

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail
Reprodução/m-bike.org

Reprodução/m-bike.org

Uma nova modalidade de seguros promete dar tranquilidade aos proprietários de bicicletas ao proteger equipamentos com valores entre R$ 3 mil e R$ 60 mil em casos de roubo, furto qualificado, acidentes e responsabilidade civil. Chamado Protector Bikes, o produto é garantido pela Argos Seguros e foi lançado recentemente no mercado curitibano pela corretora Magicel.

A cobertura vale para bicicletas novas e usadas e protege contra roubo e furto qualificado na residência, durante o uso ou no transporte da bicicleta. O seguro também cobre danos materiais, morais e corporais a terceiros envolvidos em acidentes

“A vantagem deste seguro é que ele pode ser contratado exclusivamente para a bicicleta, sem a necessidade de estar associado a um seguro residencial, por exemplo, como acontece com outros produtos disponíveis hoje neste segmento”, explica Rogério Espindola, diretor corporativo da Magicel.

Preços do prêmio do seguro para bicicletas de acordo com faixa de valores. (Reprodução/Magicel)

Preços de acordo com faixas de valores. (Reprodução/Magicel)

O seguro cobre bicicletas com valor mínimo de R$ 3 mil e máximo de R$ 60 mil. O site da seguradora permite fazer uma simulação de acordo com o valor do equipamento. Para uma bicicleta de R$ 10 mil, por exemplo, o valor do prêmio – valor para pelo proprietário à seguradora – é de R$ 687,50, podendo ser dividido em até cinco parcelas. Neste exemplo, a franquia em caso de furto é de 10% do valor da bicicleta (R$ 1 mil) e de R$ 500 em caso de acidentes a terceiros.

Espindola explica que o seguro ainda não dá cobertura de acidentes pessoais ao ciclista, mas essa é uma modalidade que pode ser incluída no  produto no futuro, caso haja demanda. “O seguro é uma novidade que está em evolução e a ideia é formata-lo para atender às necessidades do usuário”, garante.

A contratação do seguro pode ser feita totalmente online, bastando para isso enviar cópia da nota fiscal da bicicleta — caso contrário, é necessária uma avaliação do equipamento. O assegurado também terá à disposição um aplicativo móvel com as informações sobre as coberturas contratadas e que pode ser usado para notificar sinistros.

Segundo dados levantados pela seguradora junto ao site Bicicletas Roubadas, que recebe denúncias de crimes de roubo e furtos de bicicletas em todo o país, as ocorrências registradas nos seis primeiros meses de 2015 no Paraná quase equivalem ao total de crimes notificados em todo o ano de 2014. Os números, entretanto, são apenas a ponta do iceberg. A Secretaria de Estado de Segurança Pública do Paraná não tem dados oficiais sobre o número de roubos de bicicletas no estado. Além disso, geralmente o crime é subnotificado, já que muitas vítimas sequer registram Boletim de Ocorrência.

Publicidade

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *